Nenhuma música disponível no momento

<< Outubro 2019 >>
D S T Q Q S S
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31    

Luiz Zago interpreta Jobim e Piazzolla


09/04/2016 - Luiz Zago interpreta Jobim e Piazzolla

09 de Abril de 2016

Sábado 20:30h


Ingresso gratuito
Entrada permitida para maiores de 14 anos ou para estudantes de música de qualquer idade.
Contato: secretaria@auditoriojurereclassic.com.br
ou pelo telefone: (48) 3282-2203 e (48) 9918-5958
Auditorio Jurerê Classic Rua dos Lambari-Guaçú, 437 - Jurerê Internacional.
*Não serão reservados assentos marcados, serão por ordem de chegada.

Apoio Decanther

Após o concerto, será feita uma degustação de Vinho Branco Argentino Pacha Mama Torrontés - Las Moras


Programa:

1)  Olha Maria

2)  Oblivion

3)  Brigas nunca mais

4)  Estrada do Sol/Luiza

5)  Insensatez

6)  Milonga del Angel

7)  Sabia

8)  Inverno Porteno

9)  Correnteza

10)  Decaríssimo

11)  Passarim / Triste

12)  Falando de amor / Choro

13)  Coral

14)  Chora Coração

15)  Michelangelo 70

16)  Chega de Saudade

17)  Libertango


RELEASE DO CONCERTO

O concerto "Jobim e Piazzolla", com arranjos e interpretação do pianista Luiz Gustavo Zago, apresenta obras desses dois expoentes da musica latino-americana, Tom Jobim e Astor Piazzolla. Jobim e Piazzolla são músicos mundialmente reconhecidos por sua obra marcante e atemporal. São dois compositores que tiveram formação clássica, enveredaram pelo caminho da música popular e reinventaram a música de seus países, modernizando respectivamente a musica popular brasileira e o tango.

O repertório contempla tanto obras conhecidas que atingiram o grande publico como "Libertango" de Piazzolla e "Chega de Saudade" de Jobim, quanto obras de inspiração clássica que surgiram num período de amadurecimento da linguagem musical destes compositores como "Passarim" e "Chora Coração" de Jobim e "Coral" de Piazzolla, que estão no repertório do recital para mostrar a vasta gama de expressões artísticas que ambos atingiram.


Luiz Zago é pianista e compositor, sua performance é marcada pelo movimento e entrega que o artista devota às suas interpretações, incorporando uma sonoridade orquestral ao piano, fazendo o piano soar e ressoar no público. O resultado traz à tona ecos de música brasileira e linguagem jazzística, além de influências do mundo clássico e pop, transformados e moldados em uma música única e intensa.

Sua discografia inclui o disco solo "Até Amanhã" (2010), no qual mostra seu trabalho como compositor em 10 faixas que trazem referências de bossa-mpb e jazz. Participa do grupo MusaDiversa, lançando em 2011 o CD homônimo, com inspiração no jazz contemporâneo e world music, trazendo os cruzamentos entre cultura ocidental e oriental e diálogos entre o jazz brasileiro e o universal, realizando turnê pelo sul dos EUA, com concertos nos estados da Geórgia e Alabama. Participa ainda dos CDs orquestrais "Instrumental da Casa" (2014), junto à Orquestra Acadêmica da UDESC, no qual interpreta canções de sua autoria em arranjos orquestrais, e "A Arte do Improviso" (2015), gravando standards de jazz junto à orquestra Camerata Florianópolis, atuando em ambos como pianista e arranjador.

Como arranjador trabalhou com os compositores Lenine e Toquinho, junto à Orquestra Sinfônica Brasileira e Camerata Florianópolis. Junto à Camerata Florianópolis, é diretor artístico da série "Camerata in Jazz" e da série "Canção", com artistas e compositores catarinenses.

Entre os concertos, além das turnês dos discos lançados, percorreu todo o estado de SC com a turnê de piano solo "De Jobim a Piazzolla", com obras de inspiração clássica desses compositores. Foi solista do concerto de abertura da temporada 2011 da Camerata Florianópolis, com "Rhapsody in Blue", de Gershwin. Colabora ainda com o Auditório Jurerê Classic desde 2010, realizando concertos seja com seu trio ou de piano solo, trazendo composições próprias e standards de jazz e música brasileira, numa média de 3 concertos anuais.

Recebeu da Academia Catarinense de Letras e Artes o prêmio "Edino Krieger" como personalidade musical no ano de 2011 no estado, o troféu "Franklin Cascaes" em 2009, pela direção musical do espetáculo "50 anos de Bossa-Nova" além de vencer a 1ª e 3ª edição de Festival de Música do SESC-SC, respectivamente como pianista e compositor.



Voltar
Rua dos Lambari-Guaçu, 437 - Jurerê Internacional - FLORIANÓPOLIS - SC (BR)
Fones: +55 (48) 3282 2203 / 99918 5958